Comida.

Por que a fotossíntese é tão importante?

A maneira como a natureza produz combustível a partir da luz solar

A fotossíntese é o processo pelo qual as plantas e outros organismos convertem a energia eletromagnética, geralmente proveniente da luz solar, em energia química para alimentar as atividades dos organismos.

A fotossi╠üntese usa dio╠üxido de carbono e a╠ügua para produzir ac╠žu╠ücares simples. O oxige╠énio e╠ü liberado como um subproduto deste processo. O oxige╠énio e╠ü essencial para a vida.

A fotossíntese é um processo-chave no ciclo do carbono, removendo o dióxido de carbono da atmosfera e o convertendo em biomassa.

Os organismos fotossintetizantes são produtores primários, que constituem o ponto de partida de todas as cadeias alimentares.

Os cientistas estão pesquisando o conceito da folha artificial: sistemas catalíticos que aproveitam a energia solar para converter dióxido de carbono e água em combustíveis químicos.

O que sa╠âo relac╠žo╠âes alimentares?

As cadeias e as teias alimentares demonstram as relac╠žo╠âes de alimentac╠ža╠âo entre os organismos em um ecossistema.

A energia e╠ü dissipada a╠Ç medida que e╠ü transferida de um ni╠üvel tro╠üfico para outro, as posic╠žo╠âes que os organismos ocupam dentro de uma cadeia alimentar.

Os comportamentos alimentares dos organismos se adaptam a╠Ç medida que os ecossistemas mudam, com as fontes de alimento se tornando mais ou menos prevalentes e a competic╠ža╠âo exigindo o consumo de diferentes tipos de alimentos.

O tipo e a quantidade de alimentos consumidos afetam a saúde.

Va╠ürias sociedades podem manter crenc╠žas culturais diferentes com relac╠ža╠âo aos alimentos que sa╠âo aceita╠üveis. Por exemplo, os insetos sa╠âo um alimento inaceita╠üvel para muitos, embora sejam consumidos por cerca de 2 bilho╠âes de pessoas em todo o mundo.

O que o futuro nos reserva quanto a╠Ç produc╠ža╠âo de alimentos?

A eficie╠éncia e a qualidade da produc╠ža╠âo de alimentos ter├úo de aumentar para atender ├ás necessidades da populac╠ža╠âo mundial, estimada de mais de 9 bilho╠âes de pessoas em 2050.

A eficie╠éncia e a qualidade da produc╠ža╠âo de alimentos podem ser melhoradas atrave╠üs de uma melhor gesta╠âo dos recursos hi╠üdricos e do uso do solo, assim como atrave╠üs de novos me╠ütodos e tecnologias agri╠ücolas.

Evitar o excesso de produc╠ža╠âo de alimentos e diminuir a quantidade de desperdi╠ücios reduzem as pegadas de carbono e a╠ügua.

A reproduc╠ža╠âo seletiva e a engenharia gene╠ütica permitem aumentar a produtividade e introduzir as caracteri╠üsticas desejadas nos animais produtores de alimentos e nas culturas.

A reduc╠ža╠âo do consumo de carne, o uso da biotecnologia para produzir alimentos como a micro protei╠üna e cultivar produtos ca╠ürneos, assim como o aumento do consumo de alimentos alternativos (por exemplo, insetos), proporcionam uma oportunidade para reduzir a produc╠ža╠âo de carne com alto consumo de energia e a╠ügua.

Qual é a pegada de carbono dos diferentes tipos de alimentos?

Uma pegada de carbono mede a quantidade total das emisso╠âes de gases do efeito estufa causadas direta e indiretamente por uma pessoa, organizac╠ža╠âo, comunidade, evento ou produto.

Uma dieta vegetariana resulta em uma pegada de carbono significativamente reduzida.

Os alimentos produzidos localmente resultam em uma reduc╠ža╠âo significativa.

As atividades associadas com a produc╠ža╠âo e processamento de alimentos te╠ém um impacto na pegada de carbono devido a╠Ç reduc╠ža╠âo dos custos de transporte e ao transporte, resultando na emissa╠âo de gases do efeito estufa.

Tipicamente, as pegadas de carbono para a produc╠ža╠âo de alimentos sa╠âo medidas em quilogramas de dio╠üxido de carbono emitido para a produc╠ža╠âo de 1 quilograma de alimento.

Qual é a pegada hídrica dos diferentes tipos de alimentos?

Uma pegada hi╠üdrica mede o volume total de a╠ügua necessa╠üria para os produtos e servic╠žos consumidos por uma pessoa, organizac╠ža╠âo ou comunidade.

As atividades associadas com a produc╠ža╠âo, processamento e transporte de alimentos requerem diferentes volumes de a╠ügua, dependendo do tipo de alimento. Tipicamente, as pegadas hi╠üdricas para a produc╠ža╠âo de alimentos sa╠âo medidas em litros de a╠ügua necessa╠ürios para a produc╠ža╠âo de 1 quilograma de alimento.

Uma dieta vegetariana resulta em uma pegada hídrica significativamente reduzida.

Qual o efeito das mudanc╠žas clima╠üticas sobre o futuro da alimentac╠ža╠âo e da agricultura?

A adequac╠ža╠âo das culturas, pecua╠üria e piscicultura em determinados habitats depende das condic╠žo╠âes clima╠üticas. As mudanc╠žas clima╠üticas ira╠âo afetar o desenvolvimento da agricultura, pecua╠üria e piscicultura.

Os aumentos de temperatura e os ni╠üveis de dio╠üxido de carbono podem ser bene╠üficos para algumas culturas, desde que a a╠ügua e os ni╠üveis de nutrientes possam ser mantidos, mas as mudanc╠žas na freque╠éncia e gravidade das secas e inundac╠žo╠âes tera╠âo um efeito adverso em muitos ecossistemas.

Os me╠ütodos agri╠ücolas tera╠âo de adaptar-se para mitigar o efeito das mudanc╠žas clima╠üticas.

A distribuic╠ža╠âo global de culturas de viveiro, pecua╠üria e piscicultura provavelmente ira╠ü mudar.